Prática de Jornalismo e sua Interferência nos Direitos Humanos

Ana Manuela Arantes Costa

Resumo


RESUMO: Este artigo propõe a reflexão sobre como práticas de jornalismo, essencialmente na televisão, podem ser
ou não incentivadoras e realizadoras de ações que promovam a defesa dos direitos humanos. Para isso,
serão abordados resultados de pesquisas bibliográficas sobre noções de direitos humanos e de critérios
de noticiabilidade, além da análise de reportagens exibidas no telejornal JA 2ª edição, da TV Anhanguera,
filiada da Rede Globo, sobre manifestações ocorridas em Goiânia (GO) contra o aumento da tarifa da
passagem de ônibus.

PALAVRAS-CHAVE: Direitos humanos; jornalismo; noticiabilidade; JA 2ª edição.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/pan.v4i1.3458

Rodapé - Panorama
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Não Comercial 4.0 Internacional (CC BY-NC 4.0)


PANORAMA | Comunicação Social | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 2237-1087 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = B2

Visitantes - (04/09/2017 - 25/06/2020)

Fonte: Google Analytics.