IDENTIDADES FORJADAS NA INTERDEPENDNCIA: o caso católico e protestante no Brasil do século XIX

Wilhelm Wachholz

Resumo


A inserção e o estabelecimento do protestantismo no século XIX forjaram uma nova identidade religiosa no Brasil. No embate com o catolicismo-romano, o protestantismo e inversamente o catolicismo-romano construíram suas identidades na différance, cada qual delimitando fronteiras simbólicas através discursos em oposição ao outro. Desta forma, as raízes da identidade do protestantismo brasileiro e do catolicismo estão fortemente marcadas a partir da différance, ou seja, do contraste: ser protestante significava simultaneamente não só ser protestante, mas também ser anti-católico; inversamente, ser católico era também ser anti-protestante.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/mos.v2i2.969

Rodapé - Mosaico
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND

MOSAICO | Programa de Pós-Graduação em História | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7801 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = A3

Visitantes - (05/09/2017 - 03/12/2019)

Fonte: Google Analytics.