Festa ao Divino Pai Eterno: representações patriarcalismo em Panamá (GO)

Eloane Aparecida Rodrigues Carvalho

Resumo


O presente artigo visa abordar a festa ao Divino Pai Eterno a partir de representação simbólica em prol a Deus-Pai e ritualísticas que se entrelaçaram entre os preceitos católicos e os hábitos cotidianos daqueles que vivenciaram e vivenciam esse momento de encontro. Em Panamá, desde o início, a crença religiosa na divindade adquiriu características específicas da Região Sul de Goiás, sobretudo a imagem do padroeiro, já que corresponde segundo os dogmas cristãos a Santíssima Trindade. Vale considerar que essa devoção popular aos poucos foi sendo evangelizada, principalmente durante a festa, na medida em que os sermões inseridos nas liturgias eram e são voltados para as doutrinas católicas, a saber: missas, batismos, novenas, confissões, procissões, dentre outras. Para tanto, essa pesquisa está assente nas perspectivas de autores da história cultural, da sociologia e da antropologia a fim de compreender os resquícios do patriarcalismo inserido no contexto da manifestação religiosa panamaense.

Party to the Divine Father Eternal: representations of patriarchalism in Panama (GO)

The present article aims to approach the feast to the Divine Father Eternal from symbolic representation in favor of God-Father and rituals that were intertwined between the Catholic precepts and the daily habits of those who lived and experienced this moment of encounter. In Panama, from the beginning, religious belief in the deity acquired specific characteristics of the Southern Region of Goiás, above all the image of the patron saint, since according to Christian dogmas the Holy Trinity corresponds. It is worth to consider that this popular devotion was gradually being evangelized, especially during the feast, inasmuch as the sermons inserted in the liturgies were and are directed to Catholic doctrines, namely: masses, baptisms, novenas, confessions, processions, among others. To do so, this research is based on the perspectives of authors of cultural history, sociology and anthropology in order to understand the remnants of patriarchalism inserted in the context of the manifestation religious Panamanian.

Palavras-chave


Party; Divine Eternal Father; Representations; Patriarchalism; Panama (GO); Festa; Divino Pai Eterno; Representações; Patriarcalismo; Panamá (GO)

Texto completo:

PDF

Referências


BOFF, Leonardo. A Trindade, a sociedade e a libertação. 2.ed. Petrópolis: Vozes, 1986.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. Rotina, Festa e Ritual: algumas ideias introdutórias. Cavalhadas de Pirenópolis. Goiânia: Oriente, 1981. p.17-33.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. De um lado e do outro do mar: festas populares que uma origem comum aproxima e que um oceano e um cerrado separam. In: OLIVEIRA, M. F. et al. Festas, religiosidades e saberes do Cerrado. Anápolis: Editora UEG, 2015. p.25-72.

CASSIRER, Ernst. Filosofia das formas simbólicas: primeira parte – A linguagem. Trad. Marion Fleischer. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

CASSIRER, Ernst. Ensaio sobre o homem: introdução a uma filosofia da cultura humana. Trad. Tomás Rosa Bueno. 2.ed. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2012.

CARVALHO, Eloane Aparecida Rodrigues. Devoção ao Divino Pai Eterno [manuscrito]: territorialização do sagrado em Panamá (GO) – (1918-2016). 143 p. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais e Humanidades – Interdisciplinar em Territórios e Expressões Culturais no Cerrado) – Universidade Estadual de Goiás – Campus de Ciências Socioeconômicas e Humanas, Anápolis, 2017.

FREYRE, Gilberto. Sobrados e mucambos: decadência do patriarcado rural e desenvolvimento do urbano. 1.ed. São Paulo: Global, 2013.

LEMOS, Carolina Teles. Religião e patriarcado: elementos estruturantes das concepções e das relações de gênero. Caminhos, Goiânia/Goiás, v. 11, n. 2, p. 201-217, jul./dez. 2013. Disponível em: . Acesso em: 15 dez. 2016.

OLIVEIRA, Adriana Mara Vaz de. Fazendas Goianas: a casa como universo de fronteira. Goiânia: Editora UFG, 2010.

PESSOA, Jadir de Morais. Saberes em festa: gestos de ensinar e aprender na cultura popular. Goiânia: UCG/Kelps, 2005.




DOI: http://dx.doi.org/10.18224/mos.v11i1.6099

 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


MOSAICO | Programa de Pós-Graduação em História | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7801 | Qualis B3

Flag Counter