Rio Tocantins: lugar de memórias e identidades

Maria de Fátima Oliveira

Resumo


Trata-se de um estudo sobre memória e identidades nas margens do Rio Tocantins. O objetivo principal é mostrar como, em um determinado espaço e tempo, uma identidade foi se construindo, se fragmentando e se reconstruindo devido à s transformações ocorridas na região e como valores partilhados e sedimentados por ribeirinhos ao longo dos séculos foram se transformando em resposta à s rupturas. O estudo aborda: os aspectos geofísicos do rio, o processo de penetração e ocupação da região, as relações interétnicas resultantes do contato entre os diferentes; os projetos, discursos e debates em torno da questão da busca de uma saída via rio Tocantins para a Província de Goiás; o cotidiano do ribeirinho na reinvenção de um modo de vida pautado em suas experiências - no constante movimento em viagens rio adentro e rio afora.
Palavras-chave: identidade, memória, rio Tocantins

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/mos.v1i2.575

Rodapé - Mosaico
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND

MOSAICO | Programa de Pós-Graduação em História | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7801 | Qualis A3 (Avaliação Preliminar da CAPES/PERIÓDICOS - 2019)

Visitantes - (01/01/2006 - 01/08/2019)
País Usuários
Brasil 8.363
Estados Unidos 407
França 265
Portugal 130
Alemanha 61
Reino Unido 32
Espanha 26
México 24
Rússia 21
Total 9.575

Fonte: Google Analytics.