Festa de São João: o papel da mulher na festa de caretagem e a culinária

Vandeir José da Silva

Resumo


Resumo: este trabalho tem por objetivo analisar o papel da mulher remanescente de
quilombo na Festa de Caretagem interligado à história, tradição e identidade étnica em
São Domingos. O remanescente localiza-se a 3Km da cidade de Paracatu-MG. A festa
de caretagem é dançada somente pelos homens negros da comunidade. De acordo com
os moradores o nome da manifestação é explicado pelo fato dos componentes do grupo
usar máscaras durante a homenagem. Essa é feita para São João Batista no dia 23 para
24 de junho. Nos dias 23/24 as mulheres preparam enfeites para decorarem suas casas
e comidas variadas para servirem aos dançantes e visitantes que acompanham a festividade.
A comida é tradicional e demonstra no seu preparo fatores que contribuem para
a reconstrução da identidade étnica dos moradores. A pesquisa foi realizada através da
etnografia com narrativas orais sendo a metodologia qualitativa.

Palavras-chave: Cozinheiras. Tradição. Festa de São João. Identidade étnica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/mos.v3i1.1823

Rodapé - Mosaico
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND

MOSAICO | Programa de Pós-Graduação em História | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7801 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = A3

Visitantes - (05/09/2017 - 25/06/2020)

Fonte: Google Analytics.