O Patrimônio Histórico Edificado como um Artefato Arqueológico: uma fonte alternativa de informações

Tiziano Mamede Chiarotti

Resumo


Este artigo é uma síntese das conclusões da dissertação de mestrado defendida no Mestrado Profissional em Gestão do Patrimônio Cultural da UCG, cujo objetivo central é mostrar o potencial de trabalhar a materialidade como fonte de informação alternativa. O campo de investigação, portanto, visa a relacionar um patrimônio histórico edificado com o conceito de artefato, o que permite um maior resgate de sua história.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/hab.v3.2.2005.301-319

Direitos autorais

Rodapé - Habitus

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


HABITUS| Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7798 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = A3

Visitantes - (04/09/2017 - 03/12/2019)

Fonte: Google Analytics.