Territorio e Mobilidade Mura no Baixo Rio Madeira (AM)

Márcia Leila de Castro Pereira

Resumo


Resumo: este trabalho visa apresentar algumas das possíveis acepções da territorialidade Mura no Delta dos Autazes, Baixo Rio Madeira/AM. Os Mura têm por praxe inscrever seus deslocamentos pelo espaço, e nesses movimentos, tornam visível suas regiões de apropriação
(que não são totalmente imprevisíveis). Fazem, com isso, uma ressignificação do modo de habitar o lugar, e marcam, no percorrer, um itinerário em que se reconhecem.
Palavras-chave: Índios Mura. Mobilidade. Território. Lugar.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/hab.v14.2.2016.263-275

Direitos autorais 2017 Habitus

Rodapé - Habitus

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


HABITUS| Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7798 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = A3

Visitantes - (04/09/2017 - 25/06/2020)

Fonte: Google Analytics.