Lâminas Lascadas em Rochas Ígneas de Sítios Aratu do Sudoeste da Bahia: Traceologia e Experimentação

Luydy Abraham Fernandes, Joaquim Perfeito da Silva, George da Silva Nascimento

Resumo


Resumo: analisamos a tecnologia e marcas traceológicas de 27 lâminas lascadas em granito, diabásio e basalto de dois sítios da Tradição Aratu do Sudoeste da Bahia. O protocolo aplicado é o aperfeiçoamento da abordagem testada em lâminas dessa tradição no Oeste da
Bahia, agora intensificado nos atributos traceológicos. Comparativamente, mostramos os resultados sobre uma lâmina experimental de granito usada na terra. Assim, pormenorizamos a formação dos mesmos estigmas constatados nos artefatos arqueológicos: embotamento, brilho e estrias.
Palavras-chave: Tradição Aratu. Traceologia. Experimentação. Lâminas lascadas. Bahia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/hab.v13.2.2015.17-40

Direitos autorais 2016 Habitus

Rodapé - Habitus

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


HABITUS| Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7798 | Qualis B2

Visitantes - (01/01/2005 - 01/08/2019)
País Usuários
Brasil 11.051
Estados Unidos 625
França 348
Argentina 155
Portugal 117
México 98
Reino Unido 84
Alemanha 77
Espanha 54
Total 13.137

Fonte: Google Analytics.