Transsexuality, Gender and Forced the Film "Skin Habit"

Maria José Pereira Rocha, Amanda Francielle de Jesus Leão

Resumo


The purpose of this article is to discuss transsexuality and gender issues, using as a reference the aesthetic film “skin habit” of filmmaker Pedro Almodóvar, who despite numerous discussions presents, in artistic work, propositions of deconstruction of the sex and gender distinction. The film deals with issues that diagnose the gender dysphoria and essentialisation of male and female categories and your binaridade. In this sense, the text seeks to demonstrate that the notions of gender beyond the borders of multidisciplinarity, referring to current studies in academies, gaining visibility in the world. That way, you will be treated, among others, the issues of gender, feminism, related to the subversion of identity, sexuality and gender in the transsexual experience.

Transexualidade Forçada, Gênero e o Filme "A Pele Que Habito"

O propósito deste artigo é discutir a transexualidade e as questões de gênero, usando como referência estética a filme “A pele que habito” do cineasta Pedro Almodóvar, que a despeito das inúmeras discussões apresenta, na obra artística, proposições de desconstrução da distinção sexo e gênero. O filme lida com questões que diagnosticam a disforia de gênero e a questão da essencialização das categorias feminino e masculino e sua binaridade. Nesse sentido, o texto visa demonstrar que as noções de gênero ultrapassam as fronteiras da multidisciplinaridade, referentes aos estudos vigentes nas academias, ganhando visibilidade no mundo. Desse modo, serão tratados, entre outros, os problemas de gênero, relacionados ao feminismo, à subversão da identidade, da sexualidade e do gênero na experiência transexual.


Palavras-chave


Genre; Transsexuality; Movie; Feminism; Gênero; Transexualidade; Filme; Feminismo.

Texto completo:

PDF (portuguese)

Referências


BENTO. Berenice. A reinvenção do corpo: sexualidade e gênero na experiência transexual. Rio de Janeiro: Garamond, 2006.

BOURDIEU, P. Outlineof a theory of practice. Cambridge, Cambridge University Press. 1977.

BUTLER, Judith. Problemas de gênero: feminismo e subversão da identidade. Tradução de Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira. 2003.

ERRINGTON, S. Recasting sex, gender and power: a theoretical and regional overview, in Atkinson, J. e Errington, S., eds., Power and difference: gender in Island Southeast Asia, Stanford, Stanford University Press.1990.

FOUCAULT, M. História da sexualidade I: a vontade de saber. Rio de Janeiro, Graal. 1979.

LA PIEL QUE HABITO. Direção: Pedro Almodóvar. Roteiro: Pedro Almodóvar e Thierry Jonquet. 117 min. Intérpretes: Antonio Banderas, Elena Anaya, Marisa Paredes, Jan Cornet, Roberto Álamo, Blanca Suárez Eduard Fernández. Origem: Espanha, Cor filmagem: Colorida, ano de produção 2011, Gênero: Drama.

MACHADO, Lia Zanotta. Perspectivas em confronto: relações de gênero ou patriarcado contemporâneo? 2000.

MENEZES, Sophia Padilha e SANTOS, Maria da Conceição Bezerra dos. Estudo comparativo sobre o controle dos corpos: “A pele que habito” e Estado. In: XV Encontro de ciências sociais do norte e nordeste e pré-ALAS Brasil. 04 a 07 de setembro de 2012, UFPI, Teresina-PI.

SCOTT, Joan. Gender: a useful category of historical analyses. Gender and the politics of history. New York, Columbia University Press. 1989.

ORTNER, Sherry B. e WHITEHEAD, Harriet. Introduction: accounting for sexual meanings, in Ortner, S. e Whitehead, H., eds., “Sexual meanings: the cultural construction of gender and sexuality”. Cambridge,Cambridge University Press. 1981.

POZZETTI, Valmir César e FONTES, Gustavo Rosa. Bioética, transexualidade e o filme a pele que habito: uma reflexão sobre seus aspectos sociais e éticos. Florianópolis : FUNJAB, 2012, p. 69-97.

YANAGISAKO, S. e COLLIER, J. Toward an unified analysis of gender and kinship, in Collier, J. e Yanagisako, S., eds., Gender and kinship: essays toward an unified analysis’.Stanford, Stanford University Press.1987.




DOI: http://dx.doi.org/10.18224/gua.v7i1.6384

 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


GUARÁ | Departamento de Letras | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 2237-4957 | Qualis B2

Flag Counter