Estudo Histórico do Filme 'O Mercador de Veneza'

Aline Clariano de Faria, Rainer Vinícius Saran, Roseane Jaber Gouveia, Stella Maris Vieira Fófano, Sthefânia Rosa Abrantes

Resumo


Durante um longo período, Gênova e Veneza estabeleceram um verdadeiro monopólio sobre as especiarias vindas do oriente. Esse comércio trouxe o retorno das transações financeiras e o reaparecimento da moeda. Veneza torna-se o lugar mais cosmopolita, mais ostentador, o mostruário da variedade e da estranheza do mundo. Os tribunais foram virando trevas. A jurisdição eclesiástica defendia os interesses da Igreja e dos clérigos. a partir deste contexto que William Shakespeare escreve O Mercador de Veneza, uma obra que consegue envolver-nos pelo embate entre a lei moral e a justiça.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/frag.v18i3.625

Rodapé - Fragmentos
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


FRAGMENTOS DE CULTURA | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | Instituto de Filosofia e Teologia | Sociedade Goiana de Cultura | e-ISSN 1983-7828 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = B1

Visitantes - (04/09/2017 - 03/12/2019)

Fonte: Google Analytics.