E as Crianças Podem Falar?

Karla Teixeira Dias Von Hauer

Resumo


as crianças sempre foram vistas e ainda são, como seres incompletos, em formação,o que acabou silenciando a ?voz das crianças. Devido a uma visão desenvolvimentista a
criança é vista como o futuro da nação e não o presente, o que mais uma vez não as deixa falar.
Contudo, nas últimas décadas essa visão tem começado a mudar e as crianças têm encontrado
mais visibilidade e ?começado a falar, ou a serem ouvidas. Entretanto, a representatividade disso ainda é muito pequena, e a Antropologia pode ajudar a construir esse espaço onde a criança consiga sair de sua subalternização e se representar no discurso.
Palavras-chave: Crianças. Subalternidade. Representatividade. Voz.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/frag.v22i3.2400

Rodapé - Fragmentos
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


FRAGMENTOS DE CULTURA | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | Instituto de Filosofia e Teologia | Sociedade Goiana de Cultura | e-ISSN 1983-7828 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = B1

Visitantes - (04/09/2017 - 03/12/2019)

Fonte: Google Analytics.