Educação Física e Saúde na Escola

Made Júnior Miranda

Resumo


Neste artigo apresentamos algumas reflexões sobre as possibilidades de se desenvolver a Educação Física escolar para crianças e jovens, numa perspectiva em que a transmissão sistematizada do conhecimento científico seja um ganho capaz de influenciar os alunos em situação de egressos, para a aquisição de hábitos saudáveis como a atividade física para a promoção da saúde, e para a contribuição da diminuição das estatísticas das doenças crônicas não-transmissíveis da fase adulta, decorrente na maior parte dos casos do estilo de vida sedentário.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/est.v33i4.143

Rodapé - Educativa
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


EVS | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-781X | Qualis B3

Visitantes - (05/09/2017 - 21/10/2019)
País Usuários
Brasil 51.961
Estados Unidos 1.284
Portugal 818
França 246
Moçambique 238
Angola 171
Reino Unido 61
México 61
Espanha 60

Fonte: Google Analytics.