Infâncias e crianças sob o olhar de Portinari

Keyla Andrea Santiago Oliveira, Pollyanna Rosa Ribeiro

Resumo


Este trabalho tem por objetivo extrair elementos para compreender as infâncias retratadas pelo artista Cândido Portinari em duas de suas obras que datam da década de 30: Ronda Infantil (1932) e Futebol (1935). Dentre uma imensa gama que compõe o acervo do pintor, as duas telas acima citadas capturaram o olhar das autoras. Diante disso, discutimos o olhar como objeto pulsional a partir de Lacan (1985), bem como questionamos os traçados, as cores e as nuances apresentadas pelo artista. Buscamos estabelecer relações entre a proposição de Portinari nessas obras e as concepções de infâncias que compõem o imaginário brasileiro atual.

Palavras-chave: Portinari, infâncias, crianças, olhar, brincadeiras.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/educ.v17i2.3955

Direitos autorais 2015 Educativa

 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


EDUCATIVA | Revista do Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGE | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7771 | Qualis B1

Flag Counter