JESUS DE NAZARÉ E AS SEPARAÇÕES DO SEU TEMPO

Ildo Perondi

Resumo


O judaísmo oficial da época de Jesus era marcado por muitas separações, como puro - impuro; judeu - estrangeiro; homem - mulher; escravo - livre. Muitas dessas separações eram fruto das tradições que foram desenvolvidas no período pós-exílio e prejudicavam, sobretudo, os pobres e marginalizados. Jesus de Nazaré enfrentou várias delas. Mesmo sendo acusado de não cumprir a Lei, Ele desmascara a hipocrisia daqueles que, baseados na tradição, acabavam anulando e desprezando a própria vontade e os mandamentos de Deus para observar as suas próprias tradições (Mc 7,9). Em sua prática, Jesus supera essas separações e acolhe as pessoas excluídas, promovendo a justiça. Ao propor uma ruptura diante do ensinamento dos mestres da época, Jesus não vai contra a revelação das Sagradas Escrituras, mas, usando de critérios objetivos, dá aos textos sagrados a justa interpretação, colocando a Palavra de Deus a serviço da vida do povo e revelando o verdadeiro rosto de Deus. Esta prática de Jesus ilumina a realidade atual marcada por sintomas de discriminação e intolerância.

JESUS OF NAZARETH AND THE SEPARATIONS OF HIS TIME
The official Judaism of the time of Jesus was marked by many separations, as pure X impure; Jew X Foreign; man X woman; slave X free. Many of these separations were the fruit of the traditions that developed in the post-exile period and especially affected the poor and marginalized. Jesus of Nazareth confronted several of them. Even though he is accused of not complying with the Law, he unmasks the hypocrisy of those who, based on tradition, eventually nullifying and neglecting God's own will and commandments to observe their own traditions (Mk 7, 9). In his practice, Jesus overcomes these separations and welcomes the excluded, promoting justice. In proposing a break from the teachings of the masters of the time, Jesus does not go against the revelation of the Holy Scriptures, but using objective criteria, he gives the sacred texts the correct interpretation, placing the Word of God at the service of the people's life and revealing the true face of God. This practice of Jesus illuminates the current reality marked by symptoms of discrimination and intolerance.

Palavras-chave


Superação; Separações; Jesus; Justiça; Excluídos; Overcoming; Separations; Jesus; Justice; Excluded

Texto completo:

PDF

Referências


BARBAGLIO, G. Jesus, Hebreu da Galileia: pesquisa histórica. São Paulo: Paulinas, 2011.

JEREMIAS, J. Jerusalém no tempo de Jesus: pesquisas de história econômico social no período neotestamentário. São Paulo: Paulus, 2005.

McKENZIE, J. L. Dicionário Bíblico. São Paulo: Paulus, 1994.

MESTERS, C. Jesus, formando e formador. São Leopoldo: CEBI, 2012.

PAGOLA, J. A. Jesus: aproximação histórica. Petrópolis: Vozes, 2010.

VANHOYE, A. El mensaje de la Carta a los Hebreos. Estella (Navarra): Editorial Verbo Divino, 1993.

VAUX, R. Instituições de Israel. São Paulo: Paulus, 2003.




DOI: http://dx.doi.org/10.18224/cam.v16i2.6696

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Ildo Perondi

 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


CAMINHOS | Revista do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-778X | Qualis B1

Visitantes - (01/01/2006 - 05/11/2018)

País Usuários
Brasil 38.074 - 93,68%
Estados Unidos 751 - 1,85%
França 265 - 0,65%
Portugal 170 - 0,42%
Coréia do Sul 123 - 0,30%
Alemanha 83 - 0,20%
Reino Unido 80 - 0,20%
México 77 - 0,19%
Moçambique 66 - 0,16%
Total 39.689

Fonte: Google Analytics.