O Dilema das Mulheres Divorciadas no Ambiente Eclesiástico Brasileiro

Samuel Costa da Silva, Lúcio de Brito Castelo Branco, Valéria Maria Barreto Motta dos Santos, Elizabeth Machado

Resumo


A mulher evangélica separada enfrenta as tensões próprias da ruptura de um casamento. Após a separação, a igreja antes acolhedora tende a tornar-se um ambiente excludente para elas. A compreensão dos conflitos que envolvem a mulher evangélica divorciada em um ambiente eclesiástico poderá explicar em parte o dilema da rejeição absurda e inesperada em um espaço de comunhão e respeito.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/cam.v7i2.1219

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Rodapé - Caminhos
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


CAMINHOS | Revista do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-778X | Qualis CAPES Preliminar 2019 = A3

Visitantes - (09/03/2016 - 10/03/2020)

Fonte: Google Analytics.