Juremeiras e Bruxas: as donas de uma ciência 'ilegítima'

Laila Rosa

Resumo


O presente artigo aborda a jurema enquanto um complexo polissêmico considerado pelo povo-de-santo como ciência que abrange diversas práticas e preceitos manipulados em grande parte por mulheres. Estas, no entanto, por várias razões, como pelo fato de serem mulheres em sua maioria negra ou afro-indígena, passam a representar as donas de uma ciência que é considerada ilegítima.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/cam.v7i2.1216

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Rodapé - Caminhos
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


CAMINHOS | Revista do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-778X | Qualis CAPES Preliminar 2019 = A3

Visitantes - (09/03/2016 - 10/03/2020)

Fonte: Google Analytics.